Pesquisar neste blog

sexta-feira, 14 de junho de 2019

O socorro do amor


Mas, sobretudo, tende ardente amor uns para com os outros; 
porque o amor cobrirá a multidão de pecados.
(1 Pedro, 4:8)

Em Deus, somente em Deus, está o asilo
de que carece o homem, perturbado.
Mas Deus é amor, e o amor, então, é o estado
de quem já vive em paz, pleno e tranquilo.

Porém, de falta, equívoco e vacilo,
nosso caminho egoísta é pontilhado. 
E o amor de Deus, assim, é como o arado
que equipa o ser a fim de redimi-lo.

Por isso, por podermos recompor
os rumos dos mais áridos destinos
nos disse, iluminado e inspirador,

o apóstolo, nos versos cristalinos,
que a força sutilíssima do amor
suplanta a multidão dos desatinos.

Gilberto de Almeida
14/06/2019

Nenhum comentário:

Postar um comentário